Participação do OAGLL  na 70° SBPC




Entre os dias 22 a 28 de julho de 2018, a Universidade Federal de Alagoas (UFAL) recebeu a 70° reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e o OAGLL, juntamente com integrantes do CLAM – Clube de Astronomia de Maceió e CEAAL Centro de Estudos Astronômicos de Alagoas, estiveram presentes durante o evento, apresentando o estante “ Centenário do eclipse de sobral (1919-2019)”, a convite de Dermeval Carneiro, Diretor do planetário Rubens de Azevedo, de Fortaleza.

Estande apresentado pela equipe OAGLL juntamente com integrantes do CEAAL, Foto: Adriano Aubert

O tópico discutido durante o evento foi a respeito do eclipse que ocorreu na cidade de Sobral em 29 de maio de 1919. O que faz a cidade ser lembrada, não é apenas por conta do eclipse em si, mas, devido as consequências que ele proporcionou, pois este eclipse ajudou a comprovar a famosa Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein! Uma equipe composta por Norte-americanos, Ingleses e Brasileiros, entre eles Henrique Morize, então diretor do Observatório Nacional, ficaram responsáveis de ir até a cidade, organizar os equipamentos e efetuar as medições. A teoria de Einstein foi desenvolvida em duas partes, a primeira em 1905, a chamada teoria da relatividade restrita, e em 1915, Einstein publicou a teoria da relatividade Geral. Mas, infelizmente, quando ele concluiu suas ideias, o mundo estava no duro período da primeira guerra mundial, e não foi possível naquele momento, realizar experimentações para comprovar suas teoria. Mas, em 1919, já após o fim da guerra, Einstein pôde finalmente tentar comprovar aquilo que já estava em sua mente há anos, entrar para história, e juntamente, também, entrou a cidade de Sobral que tanto o ajudou, como ele resumiu na frase:” o problema formulado em minha mente foi respondido pelo luminoso Céu do Brasil”. O público ficou muito curioso com o tópico abordado no estande. Foi muito interessante como muitos ficaram admirados e maravilhados com o feito que ocorreu na cidade de sobral e sua importância para a ciência mundial. Muitos perguntavam como se deu o processo, o porquê da cidade de sobral ser escolhida, qual o impacto para a cidade? entre outras curiosidades, e isto foi muto gratificante para equipe do OAGLL pois poder participar deste momento de aprendizagem conjunto com pessoas de diferentes parte do país, foi muito especial.
Integrantes do CEAAL conversam com o público durante a SBPC,Foto: Adriano Aubert
Um grande marco deste evento foi o contato com diferentes pessoas do país. Muitos estudantes, principalmente do ensino médio, nunca tinham ouvido falar da cidade de Sobral e foi muito importante que pessoas do Sul, Sudeste, puderam conhecer esta cidade do interior do Ceará, que ajudou o mundo inteiro a mudar suas concepções da natureza.O evento ainda teve o apoio dos monitores da SBPC, que previamente foram treinados e preparados para os dias de acontecimento da Reunião e estes também nos ajudaram nas tarefas do estande, contribuindo, tanto com suas assistências constantes durante todo o dia, como também com seu apoio intelectual, ajudando na interação com o público.

Monitores da SBPC, e Genisson, integrante da equipe OAGLL. Foto: Adriano Aubert

Monitor da SBPC atendendo o público, Foto: Adriano Aubert


O Observatório Astronômico Genival Leite Lima é um dos grupos componentes do Centro de Ciências e Tecnologia da Educação, que está vinculado à Superintendência de Políticas Educacionais da Secretaria da Educação do Estado de Alagoas. Para realizar suas atividades conta com o apoio dos:
Centro de Estudos Astronômicos de Alagoas
Clube de Astronomia de Maceió.